terça-feira, 17 de Setembro de 2019

 
caetano 468x60
Carga & Mercadorias
26-08-2019

Renault Master/Trafic
Mais do que uma atualização
Aproveitando a entrada em vigor da norma Euro 6d-TEMP, a Renault aproveitou para remodelar as gamas Master e Trafic, e introduzir novos sistemas de assistência à condução.



Duas das gamas de comerciais da Renault – Master e Trafic – foram renovadas, apresentando evoluções ao nível do design, da conectividade e das soluções à medida dos clientes. O nível de qualidade também melhorou, aproximando-se dos ligeiros de passageiros. Os novos Master e Trafic, que começam a ser comercializados a partir de setembro, apresentam uma nova imagem com a identidade da gama Renault, que inclui a assinatura luminosa em forma de C.

As alterações mais profundas foram introduzidas no modelo Master, que adota uma nova grelha dianteira verticalizada, uma linha de capô elevada e para-choques e guarda-lamas reforçados. O contraste entre a verticalidade da grelha dianteira e a horizontalidade do capô confere um aspeto forte, possante e robusto. Um toque de sofisticação e elegância é transmitido pela grelha cromada e pelos frisos também cromados.

Igualmente revisto foi o habitáculo do Master, que adota os princípios de design dos ligeiros de passageiros e dispõe de materiais de melhor qualidade. A cabina recebeu um painel de bordo totalmente novo que oferece grandes espaços de arrumação (abertos ou fechados) e inclui elementos decorativos cromados nas saídas da ventilação e nos comandos do ar condicionado. O volante multifunções é novo, assim como o punho da alavanca de velocidades preto, com enquadramento cromado. Os estofos dos assentos também são novos e a parte inferior do banco duplo do passageiro passa a disponibilizar um compartimento com um volume de 60 litros. Para facilitar a vida a bordo, o Master passa a oferecer uma nova mesa denominada Easy Life, localizada por cima do porta-luvas, que se abre com a pressão do dedo e possibilita a utilização como um espaço de trabalho suplementar ou como espaço para uma refeição, com um grande porta-bebidas central. O tabliê também dispõe de uma base de encaixe para uma tablet na parte central e um carregador de smartphone por indução. Igualmente novo é o ecrã tátil de 3,5 polegadas, que oferece uma integração total com o sistema multimédia instalado, quer seja o R-Link Evolution ou o Media Nav Evolution (compatível com Android Auto e Apple CarPlay).



O compartimento de carga também foi otimizado para permitir trabalhar mais eficientemente sob todas as condições, passando a dispor de novas pegas ergonómicas – uma na parte traseira e outra com uma porta deslizante (ou duas se existirem duas portas de correr) – e uma nova iluminação LED cinco vezes mais potente.

A nível mecânico, o motor 2.3 dCi foi otimizado para cumprir os limites das normas de emissões Euro 6d-TEMP, dispõe de tecnologia Twin Turbo e sistema de redução catalítica seletiva (SCR). Na gama Master, este propulsor é proposto em níveis de potência de 130 cv, 145 cv e 165 cv nos derivativos de tração traseira ou 135 cv, 150 cv e 180 cv nas de tração dianteira. A transmissão é assegurada, de série, por uma caixa manual de seis velocidades, estando disponível, em opção, uma caixa automatizada de seis relações.

Para garantir o máximo de segurança, o novo Master recebeu novos sistemas de assistência à condução como o Front Park Assist (ajuda ao estacionamento dianteiro), Rear View Assist (assistência à visão traseira, com ecrã na parte superior do para-brisas), Blind Spot Warning (aviso de presença no ângulo morto), Active Emergency Braking System (travagem de emergência ativa), Automatic lights and wipers (ativação automática dos faróis e limpa-vidros) e Side Wind Assist (assistência à estabilização em caso de vento lateral).

Master Z.E. também atualizado
As principais alterações introduzidas na gama Master são extensíveis à versão elétrica, que está vocacionada para a distribuição urbana. O Master Z.E. possui uma bateria de iões de lítio de 33 kWh, que assegura uma autonomia real de 120 quilómetros (mínima de 80 quilómetros). A carga completa é alcançada em seis horas com uma wallbox de 7,4 kW. O furgão elétrico de grandes dimensões da Renault está equipado com o motor R75, herdado do ZOE, que desenvolve uma potência de ?57 kW.

O Master Z.E. é proposto em seis versões (quatro furgões e dois chassis-plataforma), com três opções de comprimento e duas de altura.



Novo motor para Renault Trafic
Igualmente renovada foi a gama Trafic, que se distingue exteriormente por uma grelha dianteira mais proeminente, com o logótipo em destaque, novos elementos decorativos, faróis full LED e assinatura luminosa também em LED e em forma de C.

A gama de motorizações também foi totalmente revista, com o anterior bloco diesel de 1,6 litros a ser substituído por um novo de 2,0 litros para cumprir a norma Euro 6d-TEMP. Com turbocompressor de geometria variável oferece níveis de potência de 95 cv, 120 cv, 145 cv e 170 cv. A transmissão é assegurada, de série, por uma caixa manual de seis velocidades ou, em opção, por uma nova caixa de dupla embraiagem (EDC) em associação com as motorizações de 145 cv e 170 cv.

No habitáculo, o Trafic passa a estar disponível com novas soluções multimédia, R-Link Evolution e Media Nav Evolution. Outra novidade é o rádio R&Go e um novo microfone, para uma melhor qualidade das comunicações.
A gama recebe ainda novos sistemas de assistência à condução, como o espelho angular na pála de sol no lado do passageiro ou o sistema de ajuda ao estacionamento dianteiro / traseiro com câmara de marcha-atrás Front and Rear Park Assist.

por Carlos Moura Pedro
434 pessoas leram este artigo
73 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 












RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA