sexta-feira, 3 de Abril de 2020

 
RL 468x60
Passageiros & Mobilidade
28-01-2020
Crescimento de 9%
Metro de Lisboa transportou 173M de passageiros em 2019
Em 2019, o Metropolitano de Lisboa (ML) transportou um total de 173 milhões de passageiros, mais 15 milhões (+9%) que no ano anterior. Segundo a empresa pública, “esta evolução positiva da procura contribuiu para um acréscimo de 1,1%, da receita tarifária do Metro, que foi de 113 milhões de euros, um valor previsional com comparticipações de passes”.
O Metropolitano de Lisboa registou, também, um acréscimo de validações de clientes com passes, passando de 108 milhões, em 2018, para 127 milhões de passageiros, em 2019. Um aumento de 17,9% do número de validações, que justifica o aumento de receitas do Metro nos passes, de cerca de 6,4 milhões de euros (+12,8%).
“Este aumento está associado à diminuição da utilização verificada nos títulos ocasionais (redução de 11,9% face a 2018), com muitos clientes a transitar para a nova tipologia em virtude da introdução do PART e do novo tarifário do Navegante. O efeito conjugado destas duas dinâmicas está na origem da diminuição de receita verificada nos títulos de transporte ocasionais, de 5,6 milhões de euros, uma redução de 9,4% relativamente a 2018”, revela o ML. Ainda em 2019, o metro atingiu 27.609.828 carruagens x km, o que representa um aumento da oferta de 6,38% relativamente ao ano transato, com maior incidência nas horas de ponta e aos fins-de-semana.
Segundo o ML, “com estes resultados o Metropolitano de Lisboa vê reconhecido o esforço que tem vindo a desenvolver, desde 2017, para dar resposta adequada às exigências e às expectativas dos seus clientes, reforçando a sua posição como transportador estruturante na Área Metropolitana de Lisboa, o que se traduz numa melhoria do seu desempenho global, designadamente na qualidade do serviço que diariamente presta, contribuindo para a consolidação de formas de mobilidade urbana mais sustentáveis, com efeitos positivos na descarbonização, na redução do congestionamento e na sinistralidade”.


por: Pedro Pereira
726 pessoas leram este artigo
141 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 












RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA