quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

 
caetano 468x60
Passageiros & Mobilidade
02-03-2018
Metro de Lisboa
Plano de expansão terá investimento de 266 M€
A construção do troço Rato/Cais do Sodré vai custar ao Metropolitano de Lisboa (ML) 266 milhões de euro. As obras devem arrancar em 2019 e concluídas em 2023.

A administração da empresa explica que, neste montante, estão incluídos 42 milhões de euros para a aquisição de material circulante (locomotivas e carruagens) e 23,8 milhões de euros para o novo sistema de sinalização.

"Prevê-se que os fundos estruturais e de Coesão financiem um montante próximo dos 70 milhões de euros. Desta forma, cerca de 196 milhões de euros para este projeto de expansão do metro da capital terão de ser assegurados pelo Orçamento do Estado”, disse fonte do Metropolitano de Lisboa, ao Jornal Económico.

O projeto inicial previa a construção de três estações: São Bento, Estrela e Santos. No entanto, a primeira não será construída.

"Quanto ao prolongamento São Sebastião — Campo de Ourique, a sua oportunidade foi também identificada no seguimento dos (...) estudos [da consultora TRENMO e dos serviços técnicos do ML] e também das conversações havidas com os interlocutores institucionais, nomeadamente com a CML [Câmara Municipal de Lisboa]", conclui a administração do ML.
por: Sara Pelicano
Tags: Lisboa   Metro   Obras  
1366 pessoas leram este artigo
319 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
2 pessoas comentaram este artigo
Comentários
12-03-2018 17:57:03 por Manuel
Os custos de construção vão derrapar para o dobro e isso já está devidamente planeado.
07-03-2018 18:31:25 por Gualdino Cruz
Locomotivas e carruagens no Metro Pedese um pouco mais de rigor informativo.
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 





Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA