terça-feira, 26 de Setembro de 2017

 
Carga & Mercadorias
28-08-2017

Plataforma RIO avança
MAN cria área de negócio para a digitalização
A MAN concentrou todas as suas atividades de digitalização numa única área de negócio e em conjunto com a Scania está a avançar com a plataforma aberta RIO, que também estará disponível para outros fabricantes. Entretanto, alargou a garantia de peças para dois anos.


A MAN Truck & Bus está a concentrar todas as suas atividades de digitalização numa única área de negócio, denominada “Digitalização e Transformação”, que será liderada por Christian Kaiser. O responsável irá definir a estratégia digital do construtor de Munique e a sua implementação em larga escala. A digitalização não altera apenas os produtos e serviços, mas também a própria empresa e em áreas tão diferentes como o desenvolvimento, a produção, as vendas, o após-venda ou a administração.

Como responsável pela área Digital, Christian Kaiser irá gerir e desenvolver a transformação digital da MAN Truck & Bus centralmente. O antigo responsável pela Telemática e Soluções Digitais, Markus Lipinsky, irá avançar com o desenvolvimento e o lançamento da marca digital RIO, como Diretor Executivo. Até agora, acumulava ambas as funções. O RIO foi iniciado pela MAN, mas é uma marca separada, também no seio da Volkswagen Truck & Bus. Como o RIO irá disponibilizar serviços digitais tanto para as marcas de veículos comerciais do Grupo MAN como para veículos da concorrência, a neutralidade do fabricante é uma parte importante do modelo de negócio. “Com Christian Kaiser, a nova função será assumida por um gestor de Tecnologias de Informação altamente experiente e especialista em digitalização. Este é um assunto crucial na nossa estratégia corporativa. De forma a maximizar as oportunidades oferecidas pela transformação digital, e para trazer uma mudança positiva a toda a empresa, vamos também adaptar as nossas estruturas e processos. O agrupamento das nossas actividades digitais num cargo especificamente criado para este propósito vai ter um papel decisivo na aceleração da transformação da MAN Truck & Bus de um fabricante de veículos comerciais para um fornecedor de soluções de transporte inteligentes”, afirma Joachim Drees, Diretor Executivo da MAN Truck & Bus AG e MAN SE.

As marcas MAN, Scania e RIO estão a trabalhar em conjunto no desenvolvimento de uma plataforma aberta com base na cloud para o mundo dos transportes. Em breve, esta plataforma irá ligar milhares de camiões, permitindo que, pela primeira vez, os dados dos veículos e das infraestruturas seja trocados entre fabricantes. Isto é particularmente importante para donos de frotas mistas. A plataforma vai também oferecer os serviços digitais do RIO, bem como os de empresas parceiras, como fabricantes de reboques. Os clientes vão ainda assim continuar a poder a aceder a aplicações específicas para os veículos das marcas MAN e Scania.

Novas soluções apresentadas no Transport Logistic
A MAN apresentou duas das suas mais recentes soluções na principal feira global para a indústria da logística, Transport Logistic de Munique: o trator TGX TGX EfficientLine 3 de 500 CV e cabine XLX, e a gama de comerciais ligeiros TGE.

O conceito EfficientLine reúne toda a gama de medidas técnicas e aerodinâmicas de economia de combustível num único camião. Para medir o potencial de economia da nova geração EfficientLine 3, a MAN realizou uma viagem de medição de consumo de combustível com uma unidade MAN TGX 18500 4x2 BLS EfficientLine 3, utilizando o antecessor, um MAN TGX 18480 4x2 BLS EfficientLine 2, que também participou numa viagem de medição, como base de comparação. O órgão de ensaio e certificação TÜV SÜD supervisionou os cálculos para determinar os resultados da medição. Os resultados oficiais confirmam que, em comparação com um EfficientLine 2 configurado de forma idêntica, o EfficientLine 3 utiliza até menos 6,35% combustível aos 100km/h. Para o segmento dos comerciais ligeiros, cada vez mais importante na logística, a MAN levou o seu MAN TGE para o transporte logístico, lançado no mercado em março na Alemanha. O modelo exposto era uma variante do furgão de mercadorias, com um motor de 177 cv e um sistema de arrumação Sortimo. Além do furgão de painel fechado e combi vidrado, o chassis do veículo com cabine simples e dupla completam a gama.

Com as suas diversas variantes, a MAN TGE é ideal para quem precisa, na sua vida profissional diária, de um furgão ou de uma combi, com um peso bruto entre 3 e 5,5 toneladas. No futuro, os clientes também poderão escolher entre duas distância entre eixos, três alturas de tecto e três comprimentos de veículo. O espaço de carga do furgão oferece um volume útil potencial até 18,4 m3, dependendo da combinação escolhida. E como sempre, o espaço de carga é iluminado com LEDs. Em função do peso bruto estão disponíveis opções de tração dianteira, traseira ou total, acopladas a uma caixa de velocidades manual de seis velocidades ou a uma caixa de velocidades automática de oito velocidades. Estes motores diesel de 1.968 cc oferecem os mais altos níveis de eficiência, com potências de 102 cv, 122 cv, 140 cv e 177 cv.

Garantia de peças passa para dois anos
A MAN anunciou o aumento da garantia para serviços de após-venda e peças genuínas para dois anos. Esta extensão da aplica-se a todas as reparações efetuadas em centros de serviço MAN a partir de 2017, incluindo quaisquer peças genuínas MAN, peças genuínas MAN ecoline ou acessórios genuínos MAN instalados como parte de trabalho de reparação. Além disso, a garantia de dois anos abrange todos os serviços relacionados com a instalação de peças sobressalentes.

De acordo com a MAN, as peças genuínas MAN são fabricadas e testadas de acordo com estritos critérios de qualidade e oferecem um elevado nível de fiabilidade e rentabilidade. Por outro lado, a disponibilidade das peças de substituição é bastante rápida. Em média, mais de 8.000 peças genuínas estão disponíveis nos centros de serviço MAN, incluindo peças para modelos mais antigos e veículos especiais, de forma a diminuir ao máximo os tempos de imobilização em caso de danos. 95% das peças especiais, que não estão imediatamente disponíveis, são entregues durante a noite na oficina através do European Logistic Center (ELC), estabelecido pela MAN.

As peças genuínas ecoline são peças sobressalentes totalmente recondicionadas de acordo com os padrões das peças genuínas MAN pela marca, pelo fabricante original (OES) ou por um fornecedor de serviços externos. O extenso recondicionamento assegura que a qualidade das Peças Genuínas MAN ecoline é a mesma que a de uma peça genuína MAN. Em particular, isto assegura que a manutenção de veículos mais antigos pode ser efectuada com um valor de mercado justo. Tal como as Peças Genuínas MAN, as Peças Genuínas MAN ecoline estão disponíveis em todos os centros de serviço MAN, e incluem também a garantia de dois anos.



Recordes de produção
As fábricas da MAN de Cracóvia, na Polónia, e de Steyr, na Áustria, atingiram novos recordes históricos de produção. A unidade polaca atingiu as 90 mil unidades fabricadas desde a sua inauguração em outubro de 2007. O veículo que assinalou esse marco teve como destino a empresa polaca Sachs Trans e tratou-se de um trator MAN TGS 18.420 4x2 BLS - TS. Aquela transportadora já possui um frota de 50 camiões MAN. A maioria são tratores AN TGX EfficientLine 3 com 460 e 500 CV de potência, embora a empresa também possua unidades de trator MAN TGX 26.500 6x2/4 BLS para transportes especiais internos e serviços de transporte internacional. A unidade entregue à Sachs Trans faz parte de um lote de 80 veículos encomendados por esta empresa à MAN Truck & Bus. A fábrica de Cracóvia produz camiões das gamas MAN TGX e MAN TGS, que depois são expedidos para toda a Europa. Das linhas de montagem daquela unidade fabril também saem camiões para transportes especiais que se destinam aos mercados fora da Europa.

Por sua vez, a fábrica de Steyr assinalou a produção de 200 mil unidades das séries TGL/TGM desde o início da pré-produção destes modelos em 2004. Dois anos mais tarde começaram a sair da linha de montagem daquela unidade fabril, as primeiras unidades produzidas em série.

O cliente e futuro operador deste veículo de aniversário é a cervejeira tradicional austríaca Steigl. Mario Partl, responsável pela Venda de Camiões e Operações de Serviços Internos na MAN Áustria, entregou a chave simbólica a Thomas Gerbl, Diretor Geral da Stiegl, e destacou a importância da longa parceria entre a MAN e a Stiegl. “Estamos particularmente orgulhosos pelo facto de os nossos clientes depositarem a sua confiança na qualidade superior dos nossos produtos, especialmente na série TGL/TGM, há mais de uma década. Para nós, este gigantesco número alcançado, que hoje celebramos, não é apenas uma provas, mas acima de tudo uma motivação para a qualidade do nosso trabalho”, refere Thomas Müller, Gestor de Produção na fábrica de Steyr da MAN Truck & Bus Áustria.

A Stiegl é uma das parceiras do consórcio CNL (Conselho para Logística Sustentável), que, no outono deste ano, irá receber nove camiões TGM com propulsão elétrica, também produzidos pela MAN na fábrica de Steyr, para testes no terreno.

A produção dos camiões das gamas ligeira e média continuará a ser a atividade principal na fábrica de Steyr, embora, desde meados de 2015, a expansão tenha permitido a integração de novas competências, nos campos da construção de veículos especiais, pintura de peças em plástico e eletromobilidade.
535 pessoas leram este artigo
74 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  



Spinerg


  




Chronopost







RSS TR Twitter Facebook TR Canal Transportes Online

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA