domingo, 5 de Abril de 2020

 
RL 468x60
Carga & Mercadorias
21-11-2014
WeTruck
Tecnologia portuguesa inova na poupança de combustível
Quatro jovens portugueses desenvolveram um “kit” elétrico que permite, aos veículos pesados de carga refrigerada, pouparem combustível, reduzir emissões de CO2 e diminuir o ruído. Em entrevista ao jornal Público, Bruno Azevedo, 24 anos, Miguel Sousa, 26, Ricardo Soares, 25, e Rodrigo Pires, 24, falaram do WeTruck – Empower Trucks explicando que este “permite produzir, recuperar e armazenar energia elétrica durante a operação da viatura e serve para alimentar diretamente os sistemas auxiliares de camiões de carga refrigerada, tais como unidades de sistemas de refrigeração de mercadorias e elevadores traseiros de porta”. Referem ainda que “produzimos energia através da colocação de painéis fotovoltaicos no topo do camião, recuperamos energia através de um sistema de travagem regenerativa e armazenamos essa energia produzida e recuperada no sistema de armazenamento. Toda a energia gerada é para alimentar os sistemas auxiliares do próprio veículo”.

A inovação portuguesa já foi reconhecida do outro lado do Atlântico, onde conquistou o segundo lugar no concurso RedEmprendia Spin2014, um evento de empreendedorismo universitário ibero-americano realizado em outubro, no México, onde receberam 20 mil dólares (aproximadamente 16 mil euros). Licenciados em Engenharia Eletrotécnica pela Universidade do Porto, criaram a empresa ‘start-up’ AddVolt, empenhados em trabalhar nesta ideia que surgiu da dissertação de Bruno Azevedo, explicam ao Público.

O WeTruck é “portátil e não invasivo”, ou seja, pode ser colocado inicialmente, no momento de fabrico do camião, ou numa fase posterior, depois de o veículo já estar em circulação. “É colocado num camião sem fazer quaisquer tipo de alterações no veículo, não é necessário fazer cortes, nem modificações na estrutura do veículo”. Este projeto distingue-se de outros, uma vez que “já há empresas a fazer coisas do género, por exemplo, há empresas que fazem soluções de retalho, isto é, fazem painéis fotovoltaicos nos camiões só que é para alimentar um único sistema auxiliar. Nós conseguimos alimentar vários”. Para além disso, a gestão do fluxo de energia é feita automaticamente pelo controlador WeTruck, uma combinação de “hardware” e “software” totalmente desenvolvida pela “start-up” e considerada no site como “o componente-chave” do produto.
Neste momento, a “start-up” está a finalizar o protótipo e a previsão é de que o produto esteja no mercado no início de 2016.

por: Miguel Ribeiro Pedras
1758 pessoas leram este artigo
634 pessoas imprimiram este artigo
0 pessoas enviaram este artigo a um amigo
0 pessoas comentaram este artigo
Comentários
Não existem comentários
  
Deixe o seu comentário!

 


 

  

 
 
 
 
 
 












RSS TR Twitter Facebook TR Transportes em revista

Dicas & Pistas © 2009, Todos os Direitos Reservados

Condições de Utilização | Declaração de Privacidade
desenvolvido por GISMÉDIA